A relação entre a alimentação e o desempenho nas provas

Autora: Mara Silvia Foratto Marconato – Coordenadora do Curso de Nutrição da Unimar.

Acredite! A boa alimentação melhora o desempenho cerebral!

Nossas células são renovadas frequentemente, inclusive nossos neurônios (células que compõem o sistema nervoso). Nos neurônios, esse processo é chamado de neurogênese e é regulado por fatores ambientais, comportamentais e fisiológicos. Substâncias que agem no sistema nervoso, exercícios físicos, exposição a novos ambientes e atividades que envolvam aprendizado e memória estimulam a neurogênese. Ao contrário, estímulos estressantes (físicos ou psicológicos), processos inflamatórios, distúrbios do sono, consumo de drogas ou álcool e envelhecimento são os principais fatores que inibem o surgimento de novas células neurais. Entre as substâncias que têm a propriedade de estimular a neurogênese no hipocampo está a SEROTONINA, considerada o principal dos “mensageiros” (neurotransmissores) que atuam no sistema nervoso. Esse neurotransmissor é considerado um dos hormônios do bem estar, sem dúvida muito importante na fase em que temos que mostrar a nossa melhor “performance cerebral”.

Outro  neurotransmissor importante nessa fase é  o ACETILCOLINA: o neurotransmissor relacionado à MEMÓRIA.

Pois bem, sabemos que a nutrição vai mais além do que saciar a nossa fome, muitos dos nutrientes são precursores dos hormônios do bem estar e substâncias que potencializam nossa memória. Dentre eles destacamos os nutrientes que exercem esse papel fundamental: carboidratos, triptofano (aminoácido), vitaminas do complexo B, magnésio dentre outros.

Por outro lado, com o stress aumentamos a produção de radicais livres , os quais são responsáveis em provocar doenças e envelhecimento, inclusive diminuição da neurogênese. Na alimentação também é possível oferecer substâncias que neutralizam esses radicais livres, as vitaminas C, beta caroteno e vitamina E e alguns minerais como selênio e zinco, desempenham muito bem esse papel!

Então vamos turbinar nosso funcionamento cerebral consumindo:

  • Abacate, banana, figo, frutas cítricas;
  • Cereais integrais.
  • Chocolates mais concentrados em cacau;
  • Feijões, soja, sementes de abóbora, amêndoas e nozes;
  • Peixes, ovos e carnes magras;
  • Vegetais verdes (acelga, couve, espinafre, outros) e alaranjados (cenoura e abóbora);

Evitar o excesso de:

  • Achocolatados,
  • Alimentos industrializados ricos em sódio, açúcares e gorduras, os alimentos considerados ultra processados,
  • Biscoitos recheados,
  • Congelados,
  • Doces,
  • Embutidos,
  • Enlatados,
  • Frituras,
  • Gelatinas industrializadas,
  • Iogurtes industrializados,
  • Macarrão instantâneo,
  • Margarinas,
  • Preparações instantâneas,
  • Queijinhos petit suisse,
  • Refrescos em pó,
  • Refrigerantes,
  • Salgadinhos,
  • Sorvetes e outras guloseimas,
  • Temperos prontos.

Vamos descascar mais e desembalar menos!

Agora que já sabe de todas estas dicas de alimentação para melhor desempenho em provas, aproveite para se preparar para o Vestibular e Permita-se viver os seus sonhos!

Conheça mais sobre o curso de Nutrição da Unimar no Guia de Profissões.

Download WordPress Themes
Download WordPress Themes Free
Download WordPress Themes
Free Download WordPress Themes
lynda course free download
download intex firmware
Download Premium WordPress Themes Free
download udemy paid course for free

Publicado por em 8 de outubro de 2019 | 281

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!